blogue do mês :: blog of the month
publicidade :: ads

subscrever feeds
Destaques :: Top Stories

Novo Cemitério Municipal de Moura - 1ª fase - prestes a ir para concurso público de empreitada
New Moura's Cemetery - 1st phase - under procurement contractor procedures
#044
#059

Reabilitação urbana do Alto do Seixalinho
Urban renovation of Alto do Seixalinho
# 258

ateliermob projecta a reconversão de 5 escolas no concelho de Tomar em habitação municipal
ateliermob is designing the reconversation of 5 former basic schools at Tomar in to public housing
# 222

ateliermob é responsável pelo desenho expositivo da próxima exposição do MUDE
ateliermob is designing the next MUDE exhibition
# 269

Adjudicada a reabilitação do Salão Central Eborense em Évora
Hired to "Salão Central Eborense" renovation in Évora
# 230
pub | ads



tags

# 004 (a)

# 004 (b)

# 009

# 014

# 015

# 016

# 019

# 021

# 023

# 025

# 026

# 027

# 028

# 030

# 031

# 033

# 034

# 039

# 040

# 041

# 044

# 045

# 046

# 047

# 049

# 050

# 052

# 055

# 056

# 057

# 059

# 061

# 062

# 065

# 066

# 067

# 068

# 070

# 071

# 072

# 074

# 077

# 078

# 082

# 088

# 089

# 091

# 093

# 094

# 098

# 106

# 111

# 115

# 116

# 117

# 118

# 120

# 122

# 123

# 125

# 126

# 127

# 128

# 129

# 130

# 137

# 138

# 142

# 146

# 150

# 151

# 152

# 155

# 156

# 157

# 159

# 162

# 166

# 167

# 168

# 169

# 170

# 172

# 174

# 175

# 176

# 177

# 178

# 180

# 181

# 187

# 188

# 189

# 193

# 194

# 202

# 204

# 205

# 207

# 213

# 216

# 220

# 221

# 230

# 234

# 235

# 236

# 237

# 240

# 241

# 242

# 244

# 250

# 258

# 265

# 267

# 269

# 278

2006 - 2007

2007 - 2008

2008 - 2009

2009 - 2010

2010 - 2011

2011 - 2012

amigos | friends

ateliermob at ...

blogue do mês | blog of the month

blogue | blog

coluna da direita | right column

competitions

conferências online | online lectures

contacto | contacts

design

diagramas | diagrams

direito à habitação

divulgação | release

emprego | job

entrevista | interview

equipa | team

filmes | movies

honorários

jovens arquitectos portugueses | young p

kidsmob

livros | books

media

música | music

notícia | news

novas práticas | new practices

novos arquitectos | new architects

prémios | awards

press release

projectos | projects

reflexões | thoughts

sobre | about

sondagem | poll

video

working with the 99%

workshops

todas as tags

arquivos :: archives

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Outubro 2005

ajudas | support


Terça-feira, 1 de Agosto de 2017
ateliermob, às 16:44 | comentar :: comment | 2017.08.01

IMG_1516.JPG

 

[PT] A cooperativa "Trabalhar com os 99%" e o ateliermob já se encontram no terreno a prestar apoio técnico às vítimas dos incêndios que têm vindo a lavrar no centro de Portugal. Mais novidades brevemente.

[ENG] The co-op "Trabalhar com os 99%" [woriking with the 99%] and ateliermob are already on the ground to provide technical support to the victims of recent fires in Central Portugal. More news coming soon.



Terça-feira, 18 de Julho de 2017
ateliermob, às 08:04 | comentar :: comment | 2017.07.18

 NOVA FASE DE CANDIDATURAS 

 CANDIDATURAS ATÉ 20 DE AGOSTO 

 

  

[PT] Anunciamos a abertura de um período de candidaturas para estágio profissional no âmbito do IEFP cujas condições podem ser conhecidas aqui.
Alerta-se para que as condições de elegibilidade são as seguintes:

Desempregados inscritos nos serviços de emprego que reúnam uma das seguintes condições:

  • Jovens com idade entre os 18 e os 30 anos, inclusive, e com uma qualificação de nível 3, 4, 5, 6, 7 ou 8 do Quadro Nacional de Qualificações (QNQ)
  • Com idade superior a 30 e menor ou igual a 45 anos, que se encontrem desempregadas há mais de 12 meses, desde que tenham obtido há menos de três anos uma qualificação de nível 3 ou superior ou com uma qualificação de nível 2 desde que se encontrem inscritos em Centro Qualifica
  • Com idade superior a 45 anos que se encontrem desempregadas há mais de 12 meses, detentores de uma qualificação de nível 3 ou superior ou de uma qualificação de nível 2 desde que se encontrem inscritos em Centro Qualifica
  • Pessoas com deficiência e incapacidade
  • Pessoas que integrem família monoparental
  • Pessoas cujos cônjuges ou pessoas com quem vivam em união de facto se encontrem igualmente inscritos como desempregados no IEFP
  • Vítimas de violência doméstica
  • Refugiados
  • Ex-reclusos e aqueles que cumpram ou tenham cumprido penas ou medidas judiciais não privativas de liberdade e estejam em condições de se inserirem na vida ativa
  • Toxicodependentes em processo de recuperação
Notas:
(i) São equiparadas a desempregados, as pessoas inscritas no IEFP como trabalhadores com contrato de trabalho suspenso com fundamento no não pagamento pontual da retribuição.

(ii) Os destinatários que tenham frequentado um estágio profissional financiado, total ou parcialmente, pelo Estado português, só podem frequentar um novo estágio ao abrigo desta medida caso tenham, após o início do anterior estágio, obtido um novo nível de qualificação nos termos do QNQ ou uma qualificação em área diferente na qual o novo estágio se enquadra. A frequência de um segundo estágio só pode ocorrer 12 meses após a conclusão do estágio anterior  


O processo de candidatura deverá ser feito, exclusivamente, por correio electrónico para job@ateliermob.com, da seguinte forma:

 

+ A candidatura deverá conter um texto específico para este lugar no qual são reveladas as áreas de interesse do candidato dentro da prática profissional (priveligiar-se-á textos sucintos com menos 1500 caracteres);

 

+ No assunto da candidatura deverá ser escrito: Candidatura a estágio profissional | arquitectura/urbanismo ;

 

+ Os ficheiros anexos deverão ser em formato PDF, devendo constar c.v. e portfolio;

 

+ A candidatura também pode ser feita com um link para uma página/blogue, desde que não implique download de ficheiros;

 

+ Todas as candidaturas com mais de 10MB não serão recebidas (chama-se a atenção que o limite é para todo o email e não para a soma dos ficheiros anexos);

 

+ Para estas vagas privilegia-se as candidaturas de quem fale/escreva fluentemente português e inglês;

  

+ Não serão aceites candidaturas com ficheiros compactados nos anexos;

 

+ Não serão aceites candidaturas de cidadãos cuja licenciatura não provenha das áreas da arquitectura ou urbanismo;

 

+ Não serão aceites candidaturas que nos sejam remetidas por correio ou entregues directamente no atelier.

 

+ Ainda que não dependa totalmente de nós, tentar-se-á que o início do contrato seja Setembro ou Outubro de 2017.

  

A selecção será feita em duas fases. Da primeira fase serão seleccionadas algumas candidaturas para a realização de entrevistas. Todas as candidaturas terão uma resposta. Assim que houver alguma actualização e ou informação que julguemos importante acrescentar ela será colocada no nosso site e partilhada no nosso perfil do facebook e twitter.



Quarta-feira, 12 de Julho de 2017
ateliermob, às 09:09 | comentar :: comment | 2017.07.12

Gente da várias universidades e instituições de todo o território nacional, profissionais de diferentes saberes, organizam-se para o apoio à reconstrução das áreas afectadas pelos incêndios. A partir de 5ª Feira na Sertã.

 

 

image_content_794106_20170619220729.jpg


(imagem retirada daqui)

 

 

COMUNICADO DE IMPRENSA

 

O incêndio de Junho passado e a gravidade da catástrofe ocorrida nos municípios afectados sugerem a necessidade de se adoptarem medidas capazes não só de reconstruir os lugares, como de impedir que estas situações se possam repetir.
No entanto, a análise da situação e o lançamento de propostas não devem cingir-se a momentos pontuais, nem a localizações específicas, nem à visão duma disciplina ou mesmo à junção de várias. É essencial que as novas estratégias sejam construidas atendendo a um arco temporal mais amplo e com uma visão territorial abrangente, capaz de ser replicada em outras geografias, e através duma lógica que permita que administração e os seus técnicos, comunidades e investigadores terem uma visão conjunta e compartilhada.
Com base nestas convicções, uma plataforma de técnicos, movidos pela sua responsabilidade cidadã, reuniu-se e mobilizou-se para sustentar a necessidade de criação de um Laboratório na Paisagem da Bacia Hidrográfica do Zêzere. Esta plataforma resulta da iniciativa conjunta do Departamento de Paisagem, Ambiente e Ordenamento da Universidade de Évora (CHAIA e DEPAO) e do CEAU (Centro de Estudos de Arquitectura e Urbanismo) da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto. Considera que a paisagem deverá ser a unidade de trabalho das políticas públicas em matéria de ordenamento e planeamento. Deverá, portanto, a paisagem em si ser o critério orientador da sua própria produção.
A plataforma integra investigadores provenientes de várias universidades do país – Universidade de Évora, Universidade do Minho, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Universidade do Porto, Universidade de Coimbra, Universidade de Lisboa, etc -, bem como investigadores em prática isolada ou contexto empresarial. Conta ainda com profissionais de diferentes áreas de investigação e trabalho com comunidades, que inspiram o modelo de planeamento colaborativo em que a plataforma pretende assentar. Associaram-se também profissionais da área do design thinking, metodologia que pretende introduzir novas ferramentas de trabalho na produção de conhecimento e na inovação. Por fim, juntaram-se também profissionais de diferentes áreas de trabalho (arquitectos, arquitectos-paisagistas,juristas, psicólogos, sociólogos, antropólogos, fotógrafos, etc) disponibilizam-se para apoiar a iniciativa, seja na sua operacionalização, seja no seu registo (por fotografia, audio, video, desenho, etc).
Esta iniciativa começará com um projecto-piloto, no Município da Sertã, que se mostrou receptivo a acolher o trabalho desta plataforma, disponibilizando apoio logístico para a realização dos trabalhos. Entre sexta-feira e domingo, uma equipa de cerca de 30 voluntários irá realizar trabalho de campo em áreas delimitadas no concelho da Sertã, correspondentes a sub-bacias hidrográficas, tanto em zonas consumidas pelos incêndios, como em zonas que tenham sido poupadas. Pretende-se analisar diferentes variáveis (recursos hídricos, orografia, coberto vegetal, etc), com vista a identificar o que, nestas paisagens, seja para manter, para melhorar ou para fazer de outro modo.
Estes trabalhos iniciam-se com uma conferência no SerQ (Centro de Inovação e Competências da Floresta, da Sertã), a 13 de julho, em que vários membros da plataforma apresentarão o seu ponto de vista sobre as questões que os incêndios suscitam e que vão muito para lá da questão da floresta. Os trabalhos culminam segunda-feira, dia 17 de julho, com a apresentação dos resultados desta primeira fase. Irá ser apresentada uma lista de medidas a aplicar no curto, médio e longo prazo, inscritas num programa de acção, que considere uma política pública assente numa estratégia que vá além da floresta, e que actue no âmbito das bacias hidrográficas, que não se deverão circunscrever ao governo da água.
O objectivo é estender a iniciativa a todos os municípios da Bacia Hidrográfica do Zêzere, que apresentam características e problemas semelhantes, que deveriam ser pensados como um todo. Deste modo, pela mudança de paradigma, entende a plataforma, se conseguirá romper o ciclo de risco que conduza à repetição da catástrofe.

 

Aurora Carapinha, CHAIA e DEPAO, Universidade de Évora

Helena Barbosa Amaro, MDT/CEAU/FAUP

Ivo Oliveira, Lab2PT/EAUMinho

Domingos Lopes, UTAD

Alfredo Dias, DEC/UC

João Ferrão, ICS-UL

 



Quinta-feira, 6 de Julho de 2017
ateliermob, às 09:04 | comentar :: comment | 2017.07.06

19693485_997137593756655_6367794234254590332_o.jpg

 



CONFERÊNCIA

A Rua respeita a Mulher?
Promover a Segurança no Espaço Público e no Transporte
12 de Julho
9h30 – 13h00
Paços do Concelho


PROGRAMA

9h30 – Recepção Participantes

10h00 – Um desafio, como? Uma prioridade, porquê?
Pedro Homem de Gouveia, CML / Equipa do Plano de Acessibilidade Pedonal

10h20 – Violência de Género – o caso do espaço público
Manuel Lisboa, Observatório Nacional de Violência e Género, FCSH/NOVSA

10h40 – A Mobilidade a Pé, na perspectiva da Mulher
Adriana Souza, Universidade de Brasília / ISCTE

11h00 – Mudar é possível – exemplos
Paula Miranda, ateliermob / trabalhar com os 99% Crl

11h20 – Intervalo

11h40 – Trabalho em Grupos

12h30 – Encerramento
João Afonso, Vereador dos Direitos Sociais da CML

 

 

[evento no facebook]

 

 



Quarta-feira, 5 de Julho de 2017
ateliermob, às 12:51 | comentar :: comment | 2017.07.05

Screenshot 2017-07-05 12.49.55.png

 

[+ info]



Terça-feira, 4 de Julho de 2017
ateliermob, às 09:30 | comentar :: comment | 2017.07.04

Cartaz_10Julho2017-1.jpg

 

[+ info]

 



Quarta-feira, 28 de Junho de 2017
ateliermob, às 09:53 | comentar :: comment | 2017.06.28

Pensar o Bairro, ocupando a Praça! - Bairro ao Espelho from ateliermob on Vimeo.


tags:

Terça-feira, 27 de Junho de 2017
ateliermob, às 07:38 | comentar :: comment | 2017.06.27

[PT]
Neste laboratório de arquitectura organizado no âmbito do Bairro ao Espelho, interessou-nos colocar as crianças da Escola Básica Sampaio Garrido a reflectir sobre o espaço da Praça das Novas Nações por forma a estimular a sua capacidade argumentativa e de discussão cidadã. Obviamente que isto deverá ser visto como um ponto de partida para intranquilizar todos os que diariamente, desistem daquele espaço, assumindo-o como um local de passagem e não o centro de encontros do bairro.
Sabemos que a Praça das Novas Nações, sempre foi desenhada para inviabilizar a sua ocupação popular. No desenho original do Bairro das Colónias, identifica-se claramente uma estrutura urbana muito próxima das cidades produzidas pelo fascismo italiano. No centro do bairro habitacional coloca-se uma praça/terreiro que não é um ponto agregador mas um local que permite, neste caso a partir da Rua de Angola, uma entrada robusta em caso de revolta facilitando a divisão do bairro entre zona Norte e Sul. Após o 25 de Abril, o desenho da Praça foi sendo quase sempre maltratado ainda que a liberdade e, sobretudo, as crianças da Escola Básica Sampaio Garrido tenham espoletado ocupações várias mesmo em condições adversas – como é exemplo a degradação do parque infantil e a posterior e inusitada substituição por aparelhos de ginástica.
Ao longo de várias sessões fomos trabalhando com as turmas do 3º ano da Escola Básica Sampaio Garrido e, com o apoio dos professores Cristina Reis e Alberto Goes Reis, os alunos, a partir de desenhos e modelos tridimensionais de diferentes escalas, foram projectando aquilo que pensam e querem para o futuro da Praça. Com esta exposição pretende-se espelhar as aspirações comuns de vontade de transformação, procurando desencadear uma mais activa e participada discussão sobre o Bairro e a cidade.

 

 

IMG_0804_.jpg

 

IMG_0811_.jpg

 

IMG_0814_.jpg

 

IMG_0821_.jpg

 

IMG_0826_.jpg

 

IMG_0828_.jpg

 

IMG_0833_.jpg

 

IMG_0838_.jpg

 

IMG_0852_.jpg

 

IMG_0863_.jpg

 

 

 


tags:

Segunda-feira, 12 de Junho de 2017
ateliermob, às 16:31 | comentar :: comment | 2017.06.12

LHR_1.jpg

 

[PT]

Participantes no desfile das Marchas Populares desde o primeiro ano (1932), os moradores do Bairro de Alfama mobilizam-se, reúnem-se e participam colectivamente na realização da sua marcha durante os meses que antecedem Junho, vivem intensamente os Santos Populares e partilham esse momento com todos (e são tantos!) que os visitam.

Durante o resto do ano, porém, Alfama atravessa um processo de descaracterização provocado pelo envelhecimento da população, a fuga dos jovens do bairro ou a sua permanência numa situação de desocupação e marginalização a par de um agressivo processo de turistificação onde a identidade local e popular tende a ser substituída pela reprodução de uma tradição para “turista ver”.

As marchas populares, a par do Fado e das suas características urbanas, são parte fundamental da identidade do bairro contrariando o isolamento e a descaracterização a que os movimentos urbanos em torno do imobiliário e da hotelaria vão provocando. Entendidas como processo e não apenas como um produto final, as Marchas consubstanciam um elemento aglutinador da comunidade, intergeracional, mas efémero. A um curto período de grande actividade, segue-se o regresso ao quotidiano isolado, marcado pelas dificuldades económicas que a elevada taxa de desemprego acentua. No final do Verão, os moradores de Alfama desmobilizam, dispersam e desaparecem as suas músicas, os seus trajes, os seus arcos, parte do seu património, as suas memórias. Perde-se parte de um património que deve ser preservado e valorizado. Perde-se parte da sua identidade colectiva.

O Projecto “Alfama é Marcha” visa promover o envolvimento da comunidade de Alfama na valorização do seu património cultural, material e imaterial, através da consolidação de um espólio significativo da realidade das Marchas Populares no bairro a devolver à população na forma de exposição e documentário.

O envolvimento de toda a população do bairro na recolha de documentos testemunhos de antigos e actuais participantes sobre a Marcha de Alfama visa fortalecer os laços de pertença à comunidade - pelos que nela residem ou já residiram - com o objectivo de que esta tenha um papel mais activo na consolidação e preservação da sua cultura e simultaneamente se mantenha vivo o espírito da Marcha ao longo de todo o ano enquanto processo aglutinador e inclusivo com o objectivo de fortalecer a identidade do bairro a partir das suas práticas colectivas e populares.

A exposição que resultará deste processo contribuirá para a promoção e divulgação das Marchas de Alfama enquanto marca de uma identidade local, desde as suas origens até aos dias de hoje, mostrando a sua importância para a comunidade e para a história cultural do bairro, enquanto processo trangeracional que envolve toda a comunidade e abrindo espaço à reflexão sobre o futuro das Marchas Populares.

 

[ver vídeo]

 

 

Projecto BIP-ZIP:

 

 

Por:

APPA

 

 

Com:

Boa União

 

 

      ateliermob + TC99%.jpg  


tags:

ateliermob, às 08:00 | comentar :: comment | 2017.06.12

(fotografias Valter Vinagre)

 

 

 

IMG_7809_.jpg

 

IMG_8191_.jpg

 

IMG_8194_.jpg

 

IMG_8198_.jpg

 

 

Projecto BIP-ZIP:

 

 

Por:

541131_383867514985217_1280518484_n.jpg

Com:

  

                 ateliermob + TC99%.jpg  

 

 


tags:

Quarta-feira, 7 de Junho de 2017
ateliermob, às 21:03 | comentar :: comment | 2017.06.07

Screenshot 2017-06-07 21.03.04.png


Nos dias 7 e 8 de junho, Évora recebe no Teatro Garcia de Resende, a Conferência Internacional –
Connecting Creative Ecosystems.
25 oradores, oriundos de 12 países, como Bélgica, Holanda, Inglaterra, Marrocos, México, entre outros, vão promover a troca de experiências em diferentes contextos de ação. A Conferência, promovida pela CIMAC – Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central é de acesso gratuito mas requer inscrição neste site.

 

[+ info]



Quinta-feira, 1 de Junho de 2017
ateliermob, às 10:27 | comentar :: comment | 2017.06.01

 

ALFAMA É MARCHA | Trailer from APPA on Vimeo.

 

 

Em Alfama, a preparar uma exposição sobre a Marcha de Alfama a partir das memórias dos alfamenses que participam, que apoiam, que guardam a história desta Marcha que faz parte da história do bairro (e da cidade). Juntam-se ao projecto os Left Hand Rotation que acrescentam um filme onde se documenta todo o processo de preparação da exposição e o registo dos testemunhos recolhidos junto dos moradores do bairro abrindo espaço à reflexão sobre o futuro das marchas e de Alfama.

[Alfama é Marcha!]

 

 

 

Projecto BIP-ZIP:

 

 

Por:

APPA

 

 

Com:

Boa União

 

 

      ateliermob + TC99%.jpg  

 


tags:

ateliermob, às 08:22 | comentar :: comment | 2017.06.01

despejos 01.jpg

 

despejos 02.jpg

 

[Morar em Lisboa]

 

 

 

 



Quinta-feira, 25 de Maio de 2017
ateliermob, às 16:40 | comentar :: comment | 2017.05.25

"O Mestrado em Planeamento Regional e Urbano da Universidade de Aveiro e o Laboratório de Planeamento e Políticas Públicas do Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território da Universidade de Aveiro vão organizar nos próximos dias 30 e 31 de Maio o 1.º Encontro de Coletivos de Urbanismo Tático.
Este encontro pretende ser uma oportunidade para trocar experiências, discutir conceitos e metodologias de intervenção relacionadas com o envolvimento dos cidadãos na reflexão e transformação da cidade e, por último, desenvolver um exercício de reflexão/ação numa área da cidade de Aveiro: o bairro de Santiago."

 

[+ info]



Quarta-feira, 24 de Maio de 2017
ateliermob, às 11:33 | comentar :: comment | 2017.05.24

 

Audiência pelo Grupo de Trabalho da Habitação, Reabilitação Urbana e Políticas de Cidade (19.05.2017) from ateliermob on Vimeo.

 

Síntese das questões que deixámos:

  • Definição de limites entre Direito à Habitação e Direito à Propriedade
  • Distinção entre Direito à Habitação e Direito à Propriedade da Habitação
  • Definição de Direito à Cidade e Direito ao Lugar
  • Definição de programas de financiamento nacionais de carácter regular
  • Definição de uma abordagem fiscal em sede de IMI
  • Desenho de processos participativos - empoderamento/cidadania
  • Exigência de diagnóstico e respostas multi-sectoriais, um realojamento deve ir muito além da atribuição de chaves
  • Activação do papel do IHRU ou de um instituto que trate, de facto, os problemas da habitação
  • Enquadramento legislativo sobre o acesso à água e à energia, nos termos da Nova Agenda Urbana que Portugal subscreveu no Habitat III
  • Rejeição de iniciativas temporárias de realojamento
  • Rejeição da ideia de formas de habitação étnicas
  • Entendimento da arquitectura como ferramenta essencial para a garantia do bem público e do direito à habitação 

 

 



Destaques :: Top Stories

Novo Cemitério Municipal de Moura - 1ª fase - prestes a ir para concurso público de empreitada
New Moura's Cemetery - 1st phase - under procurement contractor procedures
#044
#059

Reabilitação urbana do Alto do Seixalinho
Urban renovation of Alto do Seixalinho
# 258

ateliermob projecta a reconversão de 5 escolas no concelho de Tomar em habitação municipal
ateliermob is designing the reconversation of 5 former basic schools at Tomar in to public housing
# 222

ateliermob é responsável pelo desenho expositivo da próxima exposição do MUDE
ateliermob is designing the next MUDE exhibition
# 269

Adjudicada a reabilitação do Salão Central Eborense em Évora
Hired to "Salão Central Eborense" renovation in Évora
# 230
ateliermob - arquitectura, design e urbanismo lda.
[PT]
Plataforma multidisciplinar de desenvolvimento de ideias, investigação e projectos nas áreas da arquitectura, design e urbanismo. É assim que tudo costuma começar. A partir daí trabalha-se tudo o resto. Só é impossível o que não entusiasma, o que não é criativo, o que nos afasta das pessoas.
[saber mais]

[ENG]
Ateliermob is a multidisciplinary platform which develops projects, ideas and research within architecture, design and urbanism. This is the way it usually starts. From this point, everything is worked out. The impossible is to work on the unexciting, on the uncreative, on what diverges from people needs.
[+ info]
ateliermob @ facebook
International internship program at ateliermob
ligações :: links
ateliermob: What ever happened?


+ videos
Tanto Mar


+ info
subscrever | subscribe

email para actualizações :: email for updates
By Feedburner

ajudas | support


tags

# 004 (a)

# 004 (b)

# 009

# 014

# 015

# 016

# 019

# 021

# 023

# 025

# 026

# 027

# 028

# 030

# 031

# 033

# 034

# 039

# 040

# 041

# 044

# 045

# 046

# 047

# 049

# 050

# 052

# 055

# 056

# 057

# 059

# 061

# 062

# 065

# 066

# 067

# 068

# 070

# 071

# 072

# 074

# 077

# 078

# 082

# 088

# 089

# 091

# 093

# 094

# 098

# 106

# 111

# 115

# 116

# 117

# 118

# 120

# 122

# 123

# 125

# 126

# 127

# 128

# 129

# 130

# 137

# 138

# 142

# 146

# 150

# 151

# 152

# 155

# 156

# 157

# 159

# 162

# 166

# 167

# 168

# 169

# 170

# 172

# 174

# 175

# 176

# 177

# 178

# 180

# 181

# 187

# 188

# 189

# 193

# 194

# 202

# 204

# 205

# 207

# 213

# 216

# 220

# 221

# 230

# 234

# 235

# 236

# 237

# 240

# 241

# 242

# 244

# 250

# 258

# 265

# 267

# 269

# 278

2006 - 2007

2007 - 2008

2008 - 2009

2009 - 2010

2010 - 2011

2011 - 2012

amigos | friends

ateliermob at ...

blogue do mês | blog of the month

blogue | blog

coluna da direita | right column

competitions

conferências online | online lectures

contacto | contacts

design

diagramas | diagrams

direito à habitação

divulgação | release

emprego | job

entrevista | interview

equipa | team

filmes | movies

honorários

jovens arquitectos portugueses | young p

kidsmob

livros | books

media

música | music

notícia | news

novas práticas | new practices

novos arquitectos | new architects

prémios | awards

press release

projectos | projects

reflexões | thoughts

sobre | about

sondagem | poll

video

working with the 99%

workshops

todas as tags