blogue do mês :: blog of the month
publicidade :: ads

subscrever feeds
Destaques :: Top Stories

O ateliermob desenvolve as propostas apresentadas pelos cidadãos para a cidade de Aveiro
Ateliermob is developing proposals presented by the people for Aveiro
#284

Cooperativa Trabalhar com os 99% está a assessorar o Fundo gerido pela Fundação Calouste Gulbenkian na reabilitação das áreas ardidas em Portugal no decorrer de 2017
Working with the 99% is advising the Fund managed by Fundação Calouste Gulbenkian for the reconstruction of the burned areas by the fires occured in Portugal during 2017
#278
#283

Novo Cemitério Municipal de Moura - 1ª fase - prestes a ir para concurso público de empreitada
New Moura's Cemetery - 1st phase - under procurement contractor procedures
#044
#059

Reabilitação urbana do Alto do Seixalinho
Urban renovation of Alto do Seixalinho
# 258

ateliermob projecta a reconversão de 5 escolas no concelho de Tomar em habitação municipal
ateliermob is designing the reconversation of 5 former basic schools at Tomar in to public housing
# 222

Adjudicada a reabilitação do Salão Central Eborense em Évora
Hired to "Salão Central Eborense" renovation in Évora
# 230
pub | ads



tags

# 004 (a)

# 004 (b)

# 009

# 025

# 028

# 030

# 033

# 040

# 050

# 059

# 061

# 068

# 074

# 078

# 094

# 118

# 123

# 151

# 152

# 155

# 156

# 169

# 170

# 174

# 180

# 189

# 194

# 202

# 204

# 237

# 264

# 278

ateliermob at ...

blogue do mês | blog of the month

blogue | blog

conferências online | online lectures

design

divulgação | release

emprego | job

jovens arquitectos portugueses | young p

kidsmob

livros | books

media

música | music

notícia | news

novos arquitectos | new architects

prémios | awards

reflexões | thoughts

video

working with the 99%

todas as tags

arquivos :: archives

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Outubro 2005

ajudas | support


Quinta-feira, 19 de Julho de 2018
ateliermob, às 11:45 | comentar :: comment | 2018.07.19

Quest_16_foto1.jpg

 

[PT] O edifício popularmente denominado como Torre de Relógio é uma construção nunca concluída, tendo vindo a ser construído por impulsos de financiamento da população. Ao longo dos anos a construção de paredes e arcos vigiados pela torre (elemento mais alto de toda a aldeia) terá sido muita coisa, entre as quais, local de enterramentos no séc XIX em virtude de uma crise de peste que se abateu por aquelas terras alentejanas. O projecto proposto foi a conclusão do edifício, nomeadamente, a realização da sua cobertura, criando, no seu interior, um espaço polivalente que pudesse albergar programas de carácter religioso, cultural ou eventos das mais diversas índoles como já sucedia até entrar em obra.

 

IMG_2794.jpg      IMG_2788.jpg

 

Uma das questões que nos pareceu mais interessante foi perpetuar no tempo a imagem destes impulsos populares que ao longo dos anos foram fazendo crescer o edifício, manifestados nas diferentes técnicas de emparelhamento das pedras e concepção de arcos e vãos. Nessa medida optámos por manter as texturas e todos os seus relevos sem rebocos dando apenas uma pintura de branco que serve de ponto comum no seu interior e que mitiga os locais em que temos de refazer os agregados de diferentes épocas que consolidam as pedras. 
 

IMG_4007.jpg

 

IMG_4015.jpg


Na fase de projecto pareceu-nos óbvio que a própria torre devia ser contaminada dessa pintura para poder, no seu exterior, realçar o emparelhamento das robustas paredes e o novo material da cobertura - aço corten. Para a maioria da população não.
Assim que a torre começou a ser pintada de branco começaram a chegar-nos notas de revolta. A nossa primeira reacção foi tentar explicar que o projecto havia sido aprovado com aquela pintura (e sem objecções de qualquer entidade) e que as pessoas ainda não estavam a perceber a relação com o novo material introduzido. Mas, passado uns dias, decidimos montar um processo de consulta popular. Produzimos quatro soluções e fomos para a rua.
O resultado não foi de sentido único, mas a manutenção das cores anteriores - Amarelo Alentejo e Vermelho Málaga - obteve um pouco mais de 50% dos votos. A proposta de pintura de branco ficou com um terço dos votos, sobretudo, da população mais jovem. A discussão foi radicalizada como é próprio de terras quentes, mas todos queriam participar e sentir que estavam a decidir sobre o edifício mais importante da aldeia. Inclusivamente os trabalhadores da obra exigiram participar.
O que fazer? Discutimos muito internamente.
A prática de arquitectura é um acto de produção de espaço - urbano ou não, público o privado, pelo que se constrói ou pelo que resulta fora do que é construído - que tem sempre uma componente com impacto público. Essa prática estabelece conflitos e mediações, e compete aos arquitectos escolher caminhos de forma consciente. A pintura talvez fosse mais importante para as pessoas que hoje habitam a Amareleja, do que para nós.
O nosso entendimento, depois da consulta, é que há, de facto, um imaginário popular de relação com as cores da torre. Apesar do novo edifício ir construir uma nova realidade, as cores são um elemento fundamental da memória colectiva que deverá ser tido em conta como as características do terreno, a envolvente urbanística ou as condicionantes topográficas. Nessa medida, apesar de nos permitirmos algumas correcções no esquema de cores da torre, entendemos que a memória colectiva da cor é um dado que deve ser tido como uma condição do projecto. É justo que se diga que a nossa decisão podia ter sido outra e, verdade seja dita, o executivo da Câmara Municipal de Moura - tanto o anterior como o actual - sempre nos deu total liberdade para decidir.
Partilhamos esta história porque nos parece ser importante discuti-la, também, do ponto de vista disciplinar.

 

IMG_3116.JPG

 

IMG_20180622_102255.jpg

 

IMG_4023.jpg

 

 


tags:

Sábado, 14 de Julho de 2018
ateliermob, às 07:05 | comentar :: comment | 2018.07.14

STEPS.jpg

 

[PT]
Reflita a céu aberto sobre a participação local, o património material e imaterial numa redescoberta de Lisboa. Sob a premissa de que na cidade podemos, sempre, ser globais. Atreva-se a esta viagem! O projecto STEPS é uma iniciativa das Cidades interculturais do Conselho da Europa, que promove a confiança, o diálogo e o entendimento mútuo.

Inscrição gratuita mas obrigatória para info@ateliermob.com

Promovido pelo Município de Lisboa, em parceria com a Fundação Aga Khan, Solidariedade Imigrante, ateliermob e Dinâmia Iscte

 

[+ info]


tags:

Quinta-feira, 12 de Julho de 2018
ateliermob, às 10:17 | comentar :: comment | 2018.07.12

IMG_1034.JPG

 


[PT] Novo projecto: Futura Sede do Sindicato dos Estivadores e da Actividade Logística

[ENG] New project: Future Head Office of the Dockers and Logistics Activity Union


tags:

Terça-feira, 3 de Julho de 2018
ateliermob, às 09:00 | comentar :: comment | 2018.07.03

 

[We Make The City Festival]



Segunda-feira, 2 de Julho de 2018
ateliermob, às 11:30 | comentar :: comment | 2018.07.02

Audição @ Assembleia da República from ateliermob on Vimeo.

 

As nossas intervenções:
00:08:12 > 00:18:42
01:02:54 > 01:16:30

 



Quarta-feira, 27 de Junho de 2018
ateliermob, às 08:00 | comentar :: comment | 2018.06.27

[PT]
Hoje, a cooperativa Trabalhar com os 99% Crl será ouvida em audição conjunta, com a Associação Habita e a plataforma Morar em Lisboa, pelo Grupo de Trabalho da Habitação, Reabilitação Urbana e Políticas de Cidade (GTHRUPC) constituído no seio da 11ª Comissão no âmbito do pacote legislativo sobre arrendamento urbano em discussão na Assembleia da República.
A audição poderá ser seguida em directo.


[convocatória]



Domingo, 24 de Junho de 2018
ateliermob, às 15:02 | comentar :: comment | 2018.06.24

 "La reconquista del espacio público" in Babelia - El País por/by Anatxu Zabalbeascoa

 

 

Captura de ecrã 2018-06-24, às 15.03.36.png

 

 



Segunda-feira, 18 de Junho de 2018
ateliermob, às 10:47 | comentar :: comment | 2018.06.18

  • Depois do incêndio | After the fire 

 

Deolinda ANTES (1).JPG

 

Deolinda ANTES (2).JPG

 

Deolinda ANTES (3).JPG

 

 

 

  • Projecto | Project

 

 Deolinda CORTE.jpg

 

Deolinda PLANTA.jpg

 

 

  • Construção | Construction

 

Deolinda ACTUAL (2).jpg

 

Deolinda ACTUAL (3).jpg

 

Deolinda ACTUAL.jpg

 

 

 


tags:

ateliermob, às 10:46 | comentar :: comment | 2018.06.18

  • Depois do incêndio | After the fire 

António ANTES (1).JPG

 

António ANTES (2).jpg

 

António ANTES (3).JPG

 

 

  • Projecto | Project

António CORTE.jpg

 

 

 

ANTONIO PLANTA 500PX.jpg

 

 

 

 

  • Construção | Construction

 

P3220117.JPG

 

IMG_3745.JPG 

 

 


tags:

ateliermob, às 10:45 | comentar :: comment | 2018.06.18

  • Depois do incêndio | After the fire 

 

Manuel ANTES (1).JPG

 

Manuel ANTES (2).JPG

 

Manuel ANTES (3).JPG

 

 

  • Projecto | Project

 

Manuel PLANTA.jpg

 

 

 

  • Construção | Construction

 

 

P6070329.JPG

 

P6070346.JPG

 

 

 

 


tags:

Destaques :: Top Stories

O ateliermob desenvolve as propostas apresentadas pelos cidadãos para a cidade de Aveiro
Ateliermob is developing proposals presented by the people for Aveiro
#284

Cooperativa Trabalhar com os 99% está a assessorar o Fundo gerido pela Fundação Calouste Gulbenkian na reabilitação das áreas ardidas em Portugal no decorrer de 2017
Working with the 99% is advising the Fund managed by Fundação Calouste Gulbenkian for the reconstruction of the burned areas by the fires occured in Portugal during 2017
#278
#283

Novo Cemitério Municipal de Moura - 1ª fase - prestes a ir para concurso público de empreitada
New Moura's Cemetery - 1st phase - under procurement contractor procedures
#044
#059

Reabilitação urbana do Alto do Seixalinho
Urban renovation of Alto do Seixalinho
# 258

ateliermob projecta a reconversão de 5 escolas no concelho de Tomar em habitação municipal
ateliermob is designing the reconversation of 5 former basic schools at Tomar in to public housing
# 222

Adjudicada a reabilitação do Salão Central Eborense em Évora
Hired to "Salão Central Eborense" renovation in Évora
# 230
ateliermob - arquitectura, design e urbanismo lda.
[PT]
Plataforma multidisciplinar de desenvolvimento de ideias, investigação e projectos nas áreas da arquitectura, paisagismo, design e urbanismo. É assim que tudo costuma começar. A partir daí trabalha-se tudo o resto. Só é impossível o que não entusiasma, o que não é criativo, o que nos afasta das pessoas.
[saber mais]

[ENG]
Ateliermob is a multidisciplinary platform which develops projects, ideas and research within architecture, landscape, design and urbanism. This is the way it usually starts. From this point, everything is worked out. The impossible is to work on the unexciting, on the uncreative, on what diverges from people needs.
[+ info]
ateliermob @ facebook
International internship program at ateliermob
ligações :: links
ateliermob: What ever happened?


+ videos
Tanto Mar


+ info
subscrever | subscribe

email para actualizações :: email for updates
By Feedburner

tags

# 004 (a)

# 004 (b)

# 009

# 025

# 028

# 030

# 033

# 040

# 050

# 059

# 061

# 068

# 074

# 078

# 094

# 118

# 123

# 151

# 152

# 155

# 156

# 169

# 170

# 174

# 180

# 189

# 194

# 202

# 204

# 237

# 264

# 278

ateliermob at ...

blogue do mês | blog of the month

blogue | blog

conferências online | online lectures

design

divulgação | release

emprego | job

jovens arquitectos portugueses | young p

kidsmob

livros | books

media

música | music

notícia | news

novos arquitectos | new architects

prémios | awards

reflexões | thoughts

video

working with the 99%

todas as tags